Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Quando a realidade dói mais que a mais dura das ficções

   Não acho que o Gianni seja mais especial do que qualquer outra pessoa que teve de lutar contra esse bicho assustador chamado cancro. Não acho sequer que ele tenha lutado contra o bicho de forma mais corajosa que todos os outros lutadores, nem considero que as suas palavras sejam ou tenham sido diferentes das que todos os que passam por situação idêntica e sobrevivem nos podem oferecer. O que o torna especial é ter sobrevivido. Mais do que ter lutado, é ter ganho essa luta, que tantos perdem diariamente. E isso torna-o tão especial como todos e cada um dos sobreviventes. 

   O que o Gianni tem que os outros não alcançam é o fato de ser uma figura pública e, provavelmente, ser ua das criaturas mais bonitas deste mundo e arredores. E o que o Gianni pode fazer é aproveitar tudo isso, incluindo a beleza, para fazer a sua mensagem chegar mais longe e mais forte, fazendo acreditar que acreditar até ao fim é precisamente o maior dos trunfos que podemos ter. Isso e uma fé inabalável seja lá no que for que acaba mesmo por trazer a salvação. 

   As palavras do Gianni são tão poderosas como as de qualquer ser humano doente. Porque são a prova de que continuar por cá é possivel e a melhor coisa do mundo. Isso e ouvi-lo dizer que vai amar para sempre a ex-mulher com uns olhos que brilham tanto como o sorriso.