Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

9 anos de nós

10176152_735011846580622_3031373253520929761_n.jpg

20 de Novembro é o nosso dia. 9 anos depois, é o nosso dia. E porque no amor não há segredos nem fórmulas mágicas, o que importa é sermos capazes de viver a dois, diariamente, dias felizes e dias menos felizes, dias em que mal nos conseguimos separar e dias em que qualquer coisa serve para implicar com o outro. Há 9 anos atrás não esperava estar aqui hoje, com ele. Na verdade, não esperava nada. Há 9 anos atrás eu era uma miúda de 19 anos apaixonada por um miúdo de 20 que viu uma vez na faculdade e pensou "olha que rapaz bonito", sem alguma vez pensar que 9 anos depois estaria ainda e quem sabe para sempre com esse rapaz bonito. Uns meses depois estavamos a conversar, a trocar sms, a marcar a primeira saída que também foi a última, porque bastou essa tarde junto ao mar com uma coca-cola para nunca mais nos largarmos. 

   A partir de hoje caminhamos para uma década de nós e começamos a pensar que nós tem muito mais piada que tu e eu. Somos um pelo o outro. Ele é o romântico, o lamechas, o piroso, o dedicado, o ciumento, o sonhador, o que toma a iniciativa, o que se entrga sem pensar no depois, o culto, o gadget boy, o guloso, o preguiçoso. Eu sou a racional, a fria, a dura, a teimosa, a reservada, a centrada, a introvertida, a complicada, a de humores instáveis, a peste, o bichinho dos livros, a que tem a mania da comidinha saudável, a dorminhoca... e não é que as coisas funcionam? E o melhor de tudo é saber que o que temos hoje, com tudo aquilo que somos, tem força para 9 anos e muitos mais. 

   A verdade é que a dois a vida é bem mais simples. 

P.S - Continuo a gostar de ti só assim um bocadinho pequenino.

4 comentários

Comentar post