Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Porque às vezes ela também nos desilude

 

   Ainda não tinha espreitado as fotos da campanhã de outono da zara (não sei como me escapou!) e, pela primeira vez, tenho de admitir que não uma só foto que goste. Uma campanha muito muito fraquinha, sem peças de cortar a respiração. A confirmar a minha ideia de que esta é a pior altura do ano para modas!

    Já agora, é impressão minha, ou quadradinhos e xadrez são tendência total? Adivinho um Outono Inverno carregadinho de mulheres em uniforme de colégio!

Agosto e as modas

 

   Em termos de moda/vestuário/compras, Agosto é (também aqui!) um mês em que tudo vai a meio-gás. São os restos dos saldos que nunca mais largam as lojas mas dos quais já estamos fartas e são as novas coleções que vão chegando, com peças mais frescas ainda para dias quentes e que por isso "se calhar já não vale a pena investir" e peças para outono das quais ainda fugimos, já que as saudades de dias cinzentos e frios ainda não são nenhumas. E depois, em Agosto começamos a fazer a lista de peças a comprar para a nova estação, já que há básicos que precisam de ser renovados, ou tendências que precisam de chegar ao nosso armário. De maneira que até nisto da roupa, Agosto é um mês bem chatinho, embora ideal para poupar, especialmente depois de uma época de saldos (tal como se previa, umas quantas peças adquiridas por mim nos saldos vão voltando à loja depois de as experimentar em casa, com calma...). A mim, já não me apetece comprar nada para o verão (ok, muitas vezes o que se passa é que tenho de pôr o meu lado sério a trabalhar precisamente naquela máxima do "o verão está a acabar, não vou gastar dinheiro nisto") e ainda não me apetece nada, mas nada mesmo, trazer para casa roupas mais quentes (ok, se calhar apetece-me muito comprar umas calças clássicas pretas, da nova coleção da Zara, mas isso não conta, right? São um clássico intemporal, absolutamente indispnesáveis!), chegando-me mesmo a aborrecer entrar nas lojas e deparar-me com aquele cenário de restos de saldos vs confusão de padrões e peças de nova estação".

  Será Agosto um perfeito mês sem Zara?

Este calor...

...deixa-me com uma vontade doida de pôr a perninha à mostra, mas com o meu trabalho não me é muito possível fazê-lo durante a semana, o que me deixa estupidamente revoltada. Bem me sinto tentada, mas coisas curtas está completamente fora de questão (ou seja, arruma os calçõezinhos, peça favorita deste ano!) e vestidos também é algo complicado, já que ando muito no sobe e desce das nossas carrinhas que são tudo menos simpáticas para quem vai de vestido.

   Que venha o fim-de-semana para pôr as pernocas ao sol! Ou no meu caso, que venha o Domingo, já que Sábado trabalha-se :(

Nós, os sapatos e eles

«Existe um ditado que diz que um homem nunca deve oferecer sapatos a uma mulher sob pena dela fugir dele. Mas eu afirmo: homem, ofereçam-nos muitos sapatos pro favor! Como seria bom saber simplesmente que tipo de sapatos os homens afinal gostam. Eles reprovam a maioria dos modelos. Os homens não gostam nem de chinelos nem de Crocs. Isso é compreensível, mas também estão incluidos na lista negra as bailarinas, os sneakers com salto embutido e os sapatos com plataforma. Para eles, as piores de todas são as botas Ugg ("parecem pantufas") e qualquer tipo de sapto de cunha. Para  corroborar esta ideia, fiz um teste: mostrei a um amigo os novos modelos. Apesar de que a seleção foi das melhores, o resultado do teste doi dececionante.

   Ao ver um par de sapatos peep-toes, ele na verdade pergunta-me: "Mas o que é este buraco esquisito?". Como? Essa é realmente a graça dos sapatos peep-toes. Os saltos altos pontiagudos, um dos principais ingredientes do elegante estilo parisiense, parecem, aos olhos dele, "os sapatos da avó". O ponto alto dos seus comentários foi ao ver um par de bailarinas de veludo com um gatinho bordado na ponta, ele ri, abana a cabeça e afirma que estes são os típicos sapatos que as mulheres usam para as outras mulheres. Ou seja, sapatos que as mulheres usam para fazer inveja a outras mulheres. Segundo a opinião dele, a maior parte dos sapatos de salto alto parecem saídos do Red Light District, especialmente aqueles de 12 centímetors. E o rapaz só tem 25 anos! Por outro lado, ele gostou de uns mocassins de riscas em azul e branco e de umas sandálias alpargatas - tudo sapatos muito clássicos, como de criança.»

Alexa Peng, blogger e especialista na área da moda