Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

This made my day

31f7cdc4f751d4ae6ad521bbbb0a714a.jpg

 Qual a característica que mais aprecias em ti? 

   É uma pergunta que todos nós poderemos um dia escutar. Sem pensar muito, facilmente diria que a minha forma positiva de ver as coisas e a vida, sem negativismos e pessimismos extremos que nos inundam em sofrimento e mágoa, mas com os pés sempre muito bem assentes na terra. 

  Mas agora, e depois de alguns anos de experiência profissional enquanto psicóloga, a minha resposta mudou e descobri isto hoje depois de uma tarde de consultas relativamente pesadas. É a minha necessidade de arrancar um sorriso aos outros, seja em que situação for, que mais de agrada em mim. Esta vontade de, mesmo com lágrimas nos olhos, ver o outro sorrir. É isto que me realiza enquanto psicóloga. Muito mais que saber que estou a ajudar aquela pessoa ou que lhe poderei estar a conduzir a vida para um caminho mais simples. Muito mais que ouvi-la. Muito mais que me dizerem "Obrigada doutora". Muito mais que qualquer coisa. Ver um sorriso na cara de uma pessoa que me pediu ajuda, seja qual for a sua idade, é a melhor recompensa que eu poderia ter. E é para isto que eu me esforço todos os dia, a cada consulta: por roubar um sorriso sincero. Quase sempre consigo. E é isto, isto mesmo, que é tanto, aquele momento, aquele sorriso partilhado, que me faz sentir orgulhosa pelo meu trabalho e cheia por dentro, apesar de todo o sofrimento humano com que lido. É isto que faz aparecer por cima da minha cabeça aquele balãozinho invisível que diz "this made my day". 

   

2 comentários

Comentar post