Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Está a chegar o dia

   Eu simplesmente adorava andar de avião. Aliado ao meu fascínio por aeroportos, as viagens de avião sempre foram das minhas "actividades" favoritas e mais uma das maravilhas das férias. Até um dia. O dia em que me capacitei que aquelas máquinas não são infaliveis, caem e as coisas não acontecem nunca só aos outros. Isso e aquele aviãozito que há pouco mais de um ano desapareceu algures no Atlântico, numa queda que não ocorreu nem ao descolar nem ao aterrar.
   De maneiras que agora sempre que tenho de entrar num avião estremeço e não consigo desligar-me do facto de aquilo voar lá muito alto, sem rede cá em baixo. Mais uma partida da minha veia neurótica.
   Desta vez são só 4h...coragem!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.