Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

16 things you should know about me

Anda por esta blogosfera um desafio que consiste em contar 16 "segredinhos" sobre a nossa pessoa. Eu bem tentei escapar a esta análise profundo do Eu mas a Closet "apanhou-me" e fez questão de me desafiar explícitamente. Por isso sentem-se confortavelmente e preparem-se para assistir a  16 pieces of me.

(sem qualquer ordem de importância, relevância ou interesse)

   1. Sou uma fashion victim assumidíssima - sou viciada em roupa e não posso entrar numa loja se não for para comprar algo. Roupa nunca é demais para mim e confesso que espaço para ela aqui em casa é nulo. Ainda assim, sou exigente nos meus gostos e gastos e uso peças de roupa especificas. Gosto de arrojar, de ousar ser diferente. Gosto de andar sempre impecavelmente vestida e sim, acompanho as tendências da moda.

   2. Não uso sapatilhas ou sapatos rasos, fato-de-treino, kispos ou mini-saias - completamente impossível verem-me usar qualquer um desses elementos (as sapatilhas apenas durante as caminhadas, mas fato de treino completo tipo conjunto nunca. Mini-saias até para a praia estão quase totalmente substituidas por vestidos ou calçoes curtos).

   3. Sou viciada em sapatos de salto alto - não há nada a dizer e a fazer. Sou viciada. Ponto.

   4. Tenho a maravilhosa altura de 1,58m e um peso que oscila entre os 46 e os 47kg - ora a altura estrondosa justifica o porque de nunca usar sapatos rasos e determinadas roupas.

   5. Tenho a mania do controlo de peso- é verdade que apenas uma vez atingi os 48quilos e a natureza dotou-me de um maravilhoso metabolismo que mesmo após um ano sem pôr um dedinho do pé no ginásio e sem alguma vez ter feito qualquer dieta, dos 48kg nunca passei.

   6. Não como peixe - um comportamento não saudável, eu sei. Mas vá, como bacalhau, de qualquer maneira. Já conta não é? Não gosto de (quase nenhum) chocolate - só como Ferrero Rocher, After Eight, Kinder, Maltesers ou M&M, e mesmo assim, de longe a longe. Também não gosto de quase nenhum doce - do tipo rebuçados, bolos, sobremesas, cremes e essas coisas todas.

   7. Nunca gostei das aulas de educação física, nem de nenhum desporto de grupo, para o qual não tenho o mínimo jeitinho - a minha fértil imaginação trabalhava imenso nos dias de aula de educação física na busca de qulaquer desculpa para ser dispensada de tal martírio.

   8. Fiz parte de um grupo de Hip Hop Dance e participei em alguns eventos de dança - dançar sempre foi uma paixão para mim. libertador, revelador, era o auge dos meus dias.

   9. Ganhei uma medalha pelo 2º lugar nos campeonatos regionais de ginástica rítmica, no 9º ano - e a principal coisa que recordo desse dia foi a frase "Não podem usar cuecas por baixo do fato".

   10. Fui atleta do Futebol Clube do Porto em natação durante uns 5 ou 6 anos - e foi o mais próximo do futebol que o meu pai me conseguiu levar. Desisti porque a competição não faz parte do meu ser.

   11. Andei numa escola de música onde aprendi a tocar órgão - até diziam que eu tinha jeito para aquilo e fizeram-me a proposta de ingressar no Conservatório de Música para me dedicar ao piano, mas essas coisas não têm absolutamente nada de comum comigo. Abandonei ao fim de 2 anos.

   12. Tenho um "texto" meu publicado num livro de poesia escrito por um dos meus professores de português. Segundo ele, eu fui o incentivo à escrita desse livro. Vá-se lá saber porquê, se eu nunca gostei de poesia.

   13. Sempre fui a "aluna exemplar" - uma das melhores alunas de todas as turmas por que passei, aquela em quem todos confiam para esclarecer dúvidas ou pedir resumos emprestados. Nunca tirei uma negativa e as minhas médias foram sempre superiores a 15. No entanto, nunca fui rato de biblioteca, nem me matei a estudar.

  14. Sou extremamente responsável - não há pormenor que me escape nem tarefa que fique por concluir. Empenho e dedicação sempre foram os meus midle names.

  15. Sou um pouco neurótica - penso interminavelmente em tudo, não descanso enquanto tenho qualquer coisa por fazer, sofro por antecipação...

   16. Sou reservada - exageradamente reservada. Guardo tudo para mim, fecho-me em copas, sofro sozinha.

   Muito mais haveria por dizer, mas são apenas 16 segredinhos, e eu ainda mal comecei! Ficará para um próximo episódio...

   Quem desejar auto-analisar-se para os outros, esteja à vontade...vou ler com muito gosto!

Pág. 4/4