Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Saltos, para quê (ou para quem)?

 

Diz o site da revista Máxima:

 

   Os saltos são, aparentemente, uma perda de tempo e um sacrifício desnecessário. De acordo com um estudo da Universidade Northumbria, em New Castle (Reino Unido), os homens nem sequer reparam quando uma mulher calça sapatos de salto alto. Os especialistas que integraram a pesquisa observaram as reacções dos homens quando por eles passavam mulheres com saltos altos e outras sem. Supostamente, cada um deles deveria notar alguma alteração de postura ou ter a ilusão de pernas mais longas. A conclusão foi, no entanto, bem diferente. A maioria dos homens não conseguia distinguir quais as mulheres que calçavam salto das que optaram por usar sapatos rasos. O esforço de muitas mulheres poderá, assim, ser em vão.

 

   Ora eu, assumidíssima high heels victim, pergunto-vos: mas nós usámos saltos altos por eles e para eles, ou por NÓS e para NÓS?

   Eu sei a minha resposta. E para mim não é um sacrifício; é parte de mim.

4 comentários

Comentar post