Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Os sindicatos que não contem comigo

 

   Nunca fiz greve na minha vida. Nem de estudante, nem de trabalhadora e, muito provavelmente, nunca farei. Talvez seja o espírito errado, talvez me apontem o dedo acusador de "é por causa de pessoas como tu que nada muda", mas a verdade, pelo menos para mim, é que a greve também nada muda, nada resolve e está longe de ser a solução. Afinal, agora que o dia está a terminar, vejamos o que mudou? Huummm...nada? Amanhã estará tudo igual e estarão todos nos seus postos de trabalho, dos quais poderão gostar mais ou menos, mas isso já faz parte da história e nem todos podem ter tudo aquilo que querem. Talvez todos aqueles que têm um posto de trabalho se devessem sentir uns sortudos. Por o terem, porque no actual estado de sítio em que vivemos, ter trabalho é motivo suficiente para festejarmos e não para preguiçarmos.

 

 

1 comentário

Comentar post