Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Não gosto...

 

 

   De pessoas que dizem constantemente "Tudo nesta vida me acontece", em jeito de Lei de Murphy como filosofia de vida. A verdade, é que nem tudo lhes acontece nesta vida, acontece-lhes aquilo que tem de lhes acontecer, exarcebado pelas convicções pessoais de que as vítimas são sempre as mesmas (a própria pessoa) e pelo espírito "coitadinhó-pessimista" de que gostam de se encher. Na realidade, a estas pessoas raramente lhe acontece verdadeiramente algo de lamentável, pois essas perdem as forças para se lamentarem. São aquelas a quem acontecem sismos e tsunamis que arrastam vidas e uma vida. São aquelas a quem acontecem doenças de uma gravidade assustadora. São aquelas a quem acidentes mudam a vida para sempre. São aquelas que perdem o significado da vida. A essas, não lhes ouvimos lamentações, mas sim lições de uma força extraordinária. Essas, são as que não estendem os braços ao céu. São as reaprendem a viver diariamente, mesmo que tudo realmente lhes aconteça nesta vida.