Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Dizei-me se partilhais desta minha revolta

   Serei a única a achar absoluta e completamente ridículo o preço a pagar por certificados de habilitações e diplomas???

   Uma pessoa mata-se a estudar e esfola-se para pagar um curso (independentemente de ser a pessoa a pagá-lo ou os pais) e no final ainda tem de largar uma quantia exurbitante por uma folha de papel assinada e carimbada?

   Eu sou até da opinião de que não se deveria pagar NA-DA pelo dito documento, afinal, se terminámos um curso/licenciatura/mestrado/whatever significa que estamos habilitados para, sem que fosse necessário pagar para receber um papel que nos dá essa habilitação.

   Mas isto sou eu a pensar e a revoltar-me pelo facto de hoje finalmente me ter decidido a pedir o meu diploma de mestrado (terminado à long long time ago) e a minha conta bancária ficou, em minutos e à custa de uma folha, reduzida em menos 230€ (tanta coisa gira que eu comprava com 230 euritos...).

1 comentário

Comentar post