Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Das coisas em que não gosto mesmo nada de perder tempo

   Qualquer coisa, assunto ou tarefa que esteja relacionada com carros, nomeadamente com o meu carro. E aqui se incluem revisões, inspecções, compras de selos e afins, verificar o ar dos pneus, meter gasolina, ver os níveis de óleo e água ou lavar o carro. Esta última é particularmente preocupante, já que sou daquelas pessoas que não gosta de desperdicar dinheiro em coisas que eu posso fazer em casa. Lavar o carro é uma delas (fazer a manicure, por exemplo, é outra!). Daí que de vez em quando, muito de vez em quando, naquelas alturas em que ganho vergonha na cara e percebo que o carro não pode continuar naquele estado vergonhoso, alturas essas que surgem sempre depois de muitos dias de espera por uma chuvinha, me decido a lavar o carro. Em casa. E normalmente o estado dele é tal que não chega lavar. É preciso lavar, esfregar, aspirar, limpar e sei lá mais o quê. Durante o Inverno costumo guardar isto para os Domingos de manhã. No tempo quente tem de ser ao final de tarde. E hoje foi dia de perder uma hora do meu final de tarde a lavar, esfregar, aspirar e limpar o meu carro. Dá gosto olhar para ele, é certo. Mas já sei que nos próximos dias não o vou conseguir parar debaixo das árvores, abrir as janelas ou comer uma bolacha dentro dele.