Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Da greve geral de amanhã


   Não vou fazer greve. O que não é novidade para ninguém que me conhece minimamente.

   Não sou a favor das greves. Sei que é um direito de todos os trabalhadores e que por isso qualquer um o pode fazer, sejam quais forem os motivos para tal. Eu é que ainda não consegui perceber o objectivo de uma greve. As coisas não estão bem, há crise, desemprego, despedimentos e etc e tal e, mesmo assim, decidimos não ir trabalhar um dia, esperando com isto atingir os nossos governantes e as suas políticas? Faz-me confusão essa filosofia, essa ideia de que se não formos trabalhar um dia resolvemos os nossos problemas.

   Eu não faço greve porque gosto de ter um emprego e agradeço aos anjinhos e santinhos por o ter. Se isto está mau, está mau para todos e não é a deixar de trabalhar que vamos encontrar solução para os nossos males, principalmente quando a falta de emprego é precisamente um dos maiores problemas. Gosto tanto de poder dizer que estou empregada que só isso é mais que suficiente para me afastar de todas essas manifestações.  

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.