Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Ainda o dia da mulher

   Como em todos os outros dias em que se definiu comemorar qualquer para nos lembrarmos dela, existir um dia da mulher não faz nenhum sentido quando o que se quer é mostrar o poder da mulher. Enquanto precisarmos de um dia nosso, de um dia em que nos lembrem, nos digam que somos bonitas, especiais e heroínas e que vamos governar este mundo e o próximo, não vamos ser verdadeiras mulheres. Se só no dia 8 de Março se lembram de nós então a nossa missão está longe de estar cumprida e o nosso papel longe de estar definido e sólido. Sejamos mulheres todos os dias. Grandes, enormes...para que se lembrem de nós pela vida fora!