Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Corpo perfeito

IMG_9835.JPG

 

Corpo perfeito. O sonho de qualquer mulher, certo? Certo. Mas errado. Não é clichê quando dizemos que o corpo perfeito não existe, porque efetivamente não existe. Primeiro porque essa coisa da perfeição é demasiado subjectiva e pessoal e segundo porque um corpo perfeito é pedir demais ao Deus dos corpos! O corpo perfeito, naturalmente perfeito, sem cirurgias e truques de mágico (aka Photoshop) é o corpo que nos deixa felizes e no qual nos sentimos bem. Independentemente de medidas, perímetros, comprimentos por largura, pesos ou marcas, o corpo perfeito é aquele no qual nos sentimos bonitas. E o nosso corpo perfeito raramente é O corpo perfeito. A mulher, esse bicho complicado, facilmente elogia um corpo supostamente perfeito, assim como facilmente critica outro (que quase sempre desdenha mais do que critica, que isto das invejas é um mal terrível!) e ainda mais facilmente idealiza o corpo que gostaria de ter que, na maior parte das vezes, não é o corpo que tem. O que nós nos esquecemos é que isto do corpo perfeito é bem mais simples do que parece quando nos olhamos ao espelho: o corpo perfeito é um corpo saudável. Acima de tudo isto. E depois é um corpo que é nosso, que cuidamos adequadamente, que nutrimos adequadamente e que treinamos fortemente. O segredo é apenas este e passa apenas e só pela aceitação. Aceitar que nas nossas imperfeições, na nossa celulite de estimação, nas nossas gordurinhas teimosas, nas nossas marcas, está aquilo que somos, de forma transparente e natural. O nosso corpo é aquele, sem máscaras, sem filtros e sem dinheiro para retoques! O segredo para um corpo perfeito? Aceitarmo-nos mais e aprendermos a identificar aquilo que realmente dá vida à imagem que vemos refletida no espelho e o que podemos e devemos fazer para sermos ainda melhores. O resto é fácil: Sejam felizes nos vossos corpos (im)perfeitos e preocupem-se menos com as capas de revista!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.