Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

E se eu partilhasse algumas das minhas receitas?

   Não posso dizer que goste particularmente de cozinhar. Também não posso afirmar que o faça com muita frequência, pois o que gosto na cozinha é de experimentar coisas diferentes e cá em casa ninguém é adepto deste tipo de cozinha, pelo que acabo por cozinhar mais ao fim-de-semana ou quando estou por casa.

   Nesta coisa de me aventurar na cozinha com pratos diferentes, procuro a minha inspiração em tudo o que me vem parar aos olhos. Não sou de livros de receitas. Simplesmente vou encontrando aqui ou acolá algumas refeições que me agradam e que gostaria de experimentar e é nessas alturas que me aventuro. Mas o que sempre me irritou nas receitas é aquela quantificação de cada ingrediente e a muitas vezes longa lenga-lenga do modo de preparação. Eu cá gosto de coisas simples, práticas e diretas, sem grandes balanças e que possa adaptar às minhas necessidades e ao que tenho em casa no momento, pelo que raramente sigo uma receita à risca, especialmente nas quantidades.

   Como gosto de seguir blogs ou sites que nos vão inspirando para as refeições do dia-a-dia, achei que poderia ser interessante partilhar aqui as minhas experiências gastronómicas, desde sopas, pratos principais, sobremesas, sumos, batidos, lanches e o que mais me for lembrando de publicar.

   Antes de mais, passo já a esclarecer que não sou especialista na cozinha nem tenho pretensão de encontrar seguidores das minhas receitas. Acho que, como eu gosto de encontrar ideias simples, poderão existir outras pessoas que também gostarão de as encontrar por aqui. Aviso já também que raramente encontrarão fotografias originais dos meus cozinhados, já que raramente ando com o telemóvel ou câmaras atrás de mim nestas ocasiões, de maniera que as fotos, quando não as originais do prato, serão apenas para ilustrar o post. A frequência dos posts também não será muita, já que, como disse, não cozinho tantas vezes quantas gostaria.

   Bom apetite!