Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Carta ao Pai Natal

Olá Pai Natal!

   Correndo o risco de me achares demasiado crescida para estas coisas das cartinhas e afins, deixa-me que te diga que acredito em ti. Do fundo do coração. Acredito na tua magia e na cor que dás a esta época. Se somos um povo que sorri tão pouco, que existe ao menos um velhinho gordo, de barbas brancas e roupa vermelha que nos faça sorrir, sonhar e relembrar.

   Desta vez não precisa de te preocupar com os pedidos. Não é mais um daqueles momentos de extravagância e consumismo (esses deixo para o pós-natal, já que os saldos estou mesmo aí a rebentar), desta vez vou ser sincera (não que não gostasse de receber os pedidos anteriores) e vou ser humana. Sou observadora por natureza como sabes e como tal reparei que nos faltam a nós, humanos, uma série de 23 pequenos nadas que são tudo, mesmo tudo.

Amor, de todos os tipos, daquele que nos aquece a alma, nos faz sorrir, dá sentido. 
Bondade, nas nossas acções e nas nossas palavras.
Coragem, para enfrentar os problemas do dia-a-dia.
Determinação, nas nossas atitudes, nas nossas metas e nas nossas lutas.
Esperança, que nos ensina a olhar para além do que a vista e o coração alcançam.
Felicidade, nunca é demais tê-la e lutar por ela.
Generosidade, que nos faça agir com o coração e pisar a ganância.
Honestidade, que guie cada um dos nossos passos.
Imaginação, para colorirmos o que a vida nos oferece a preto e branco.
Justiça, de mão dada com a igualdade e a inteligência.
Liberdade, de movimentos, de pensamentos, de sentimentos.
Magia, daquela que torna a vida um mistério fascinante.
Novidade, porque o imprevísivel ainda é o melhor da vida.
Orgulho, pelo que somos, temos e queremos.
Paz, de espírito.
Qualidade, em tudo o que fizermos estará o máximo de nós.
Respeito, pelo próximo, por nós, pela vida.
Saúde
, para o corpo e para a mente.
Tranquilidade, mesmo nos momentos de tempestade.
União, daquela que faz e traz a força.
Verdade, porque só de honestidade são feitos os grandes homens.
Xarope e outros medicamentos, apenas e só quando o corpo pedir.
Zelo, daquele que nos enche de empatia e não de pena
.

 

Obrigada Pai Natal!

 

Feliz Natal!!!!

Feliz Natal!!!!

Feliz Natal!!!