Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

1001 pequenos nadas...

...que são tudo, ou apenas esboços da essência de uma vida entre as gentes e as coisas, captados pelo olhar e pela mente livre, curiosa e contemplativa. Por tudo isto e tudo o resto: É PROIBIDA A ENTRADA A QUEM NÃO ANDAR ESPANTADO DE EXISTIR

Nós, os sapatos e eles

«Existe um ditado que diz que um homem nunca deve oferecer sapatos a uma mulher sob pena dela fugir dele. Mas eu afirmo: homem, ofereçam-nos muitos sapatos pro favor! Como seria bom saber simplesmente que tipo de sapatos os homens afinal gostam. Eles reprovam a maioria dos modelos. Os homens não gostam nem de chinelos nem de Crocs. Isso é compreensível, mas também estão incluidos na lista negra as bailarinas, os sneakers com salto embutido e os sapatos com plataforma. Para eles, as piores de todas são as botas Ugg ("parecem pantufas") e qualquer tipo de sapto de cunha. Para  corroborar esta ideia, fiz um teste: mostrei a um amigo os novos modelos. Apesar de que a seleção foi das melhores, o resultado do teste doi dececionante.

   Ao ver um par de sapatos peep-toes, ele na verdade pergunta-me: "Mas o que é este buraco esquisito?". Como? Essa é realmente a graça dos sapatos peep-toes. Os saltos altos pontiagudos, um dos principais ingredientes do elegante estilo parisiense, parecem, aos olhos dele, "os sapatos da avó". O ponto alto dos seus comentários foi ao ver um par de bailarinas de veludo com um gatinho bordado na ponta, ele ri, abana a cabeça e afirma que estes são os típicos sapatos que as mulheres usam para as outras mulheres. Ou seja, sapatos que as mulheres usam para fazer inveja a outras mulheres. Segundo a opinião dele, a maior parte dos sapatos de salto alto parecem saídos do Red Light District, especialmente aqueles de 12 centímetors. E o rapaz só tem 25 anos! Por outro lado, ele gostou de uns mocassins de riscas em azul e branco e de umas sandálias alpargatas - tudo sapatos muito clássicos, como de criança.»

Alexa Peng, blogger e especialista na área da moda

New in ou de como poupar em peças tendência

   Há peças nas quais não gosto de gastar muito dinheiro. São as chamadas peças-tendência, aquilo que se usa este ano, no próximo talvez e no seguinte definitivamente não. São também estas peças as que me despertam maior resistência no momento de aderir à moda e comprá-las. Loafers são sem dúvida uma delas. Primeiro pelo aspecto de pantufa (que agora já gosto) e segundo porque são sapatos rasos, coisa em que invisto muito pouco porque uso realmente muito pouco! 
   Gosto de sabrinas. Ou melhor, gosto de ver as sabrinas calçadas nos pés das outras pessoas. A mim fazem-me ridiculamente baixa (na verdade, apenas mostram a minha verdadeira altura). De maneira que uso apenas quando sei que vou caminhar muito. Por isso, bastam 3 pares, nas cores essenciais: preto (que não existiam, daí as loafers), animal print (as minhas favoritas de todo o sempre!) e numa cor neutra que desenrasque um look rapidamente. Sendo um sapato tão pouco usado por mim, não há motivos para investir muito neles, ao contrário de outro tipo de calçado que uso vezes e vezes sem conta.
   Isto tudo a respeito da minha última aquisição. Poderia ter ido à Zara e trazê-las por não menos de 30€. Poderia ter ido a uma sapataria ou outras lojas e gastar ainda mais dinheiro nesta tendência. Mas há aquele lugar que nos ajuda sempre no que a tendências diz respeito (e já agora, no que diz respeito a imitações perfeitas de modelos de outras lojas). Esse lugar chama-se Primark e "vendeu-me" estas piquenas hiper trendy por apenas 13€. Gastar mais para quê?

A mimar os meus pézinhos

(prenda dos papás)

 

 

 

Na cor castanha.

Com 50% de desconto na Blanco.

 (de mim para mim)

 

Na cor preta e estes foi olhar-estranhar-calçar-amar.

Outra pechinha by Blanco com 50% de desconto.

(de mim para mim)

 

E ainda umas botas pretas de cano bem alto cuja imagem não encontrei.

(oferta dos papás).

 

Posto isto, julgo estamos conversados no que respeita a calçado. Pelo menos até aos saldos.